metade-metade @ 18:14

Qua, 02/01/13

Após uma manhã no IPO, tenho a certeza de que as "escaramuças" por coisas insignificantes da vida são a maior perda de tempo e mesquinhez que se pode ter.

Não desperdicem a vida com zangas ou amuos.

Vivam como se cada minuto fossem o último, não reprimam sentimentos e não se acanhem se tiverem de dizer a alguém "gosto muito de ti".



Pesquisar
 
mais sobre mim
Na mesa de cabeceira:
Arquivo
2014

2013

2012

Quantos são?